terça-feira, 14 de julho de 2009

Desculpas não se pedem..evitam-se!!!

Em desespero de causa, penso eu, o Sr. Presidente da Junta de Freguesia enviou esta mensagem aos avintenses...a esses mesmos que não têm a farmácia que tanto necessitam...e já agora Sr.Presidente a esses que do pouco que sabem ler, não o fazem na página da Junta na WEB.
Aqui vai para os menos atentos:

Caros Avintenses,

Sabendo quantos transtornos e dificuldades está a causar o encerramento da Farmácia Saraiva, na Rua 5 de Outubro, a Junta de Freguesia de Avintes, vem informar todos os Avintenses, e em especial os utentes desta farmácia, dos seguintes factos:

1) A mudança de instalações de uma farmácia é um processo ao qual uma Junta de Freguesia, qualquer que ela seja, muito pouco ou nada, pode fazer para o impedir, uma vez que todo o processo depende da Portaria 936-A/99 de 22 de Outubro sobre a instalação de farmácias e do INFARMED, organismo que tutela esta actividade.

2) No entanto a Junta de Freguesia de Avintes tudo tem feito e tudo ainda está a fazer, para que continue a funcionar uma farmácia ou posto de farmácia, no local onde durante cerca de 100 anos funcionou a Farmácia Saraiva.

3) A Junta de Freguesia ainda em 2007 e em resposta a um ofício da Câmara de GAIA, a solicitar um parecer sobre a mudança da Farmácia Saraiva da Rua 5 de Outubro, para a Rua dos Pinhais Bastos, deu o seguinte parecer:
deveria ser mantida em funcionamento uma farmácia ou um posto de farmácia naquele local da rua 5 de Outubro, dado tratar-se de uma zona da freguesia com muita população idosa. Face ao pedido de transferência da farmácia, este Executivo entende não dar parecer favorável, uma vez que a farmácia a transferir irá deixar grande parte da população carente de um equipamento de grande necessidade para os residentes a norte da freguesia de Avintes obrigando a mesma a deslocar-se vários quilómetros para a aquisição de medicamentos”.

4) Já em 2008 e por proposta do Partido Socialista foi aprovada na Assembleia de Freguesia de Avintes uma Proposta de Recomendação em que se pedia que fossem encontradas soluções que não prejudicassem a população, caso se concretizasse a mudança da Farmácia Saraiva, nomeadamente que ficasse a funcionar uma outra farmácia ou posto de farmácia, na localização original.
Esta proposta foi enviada para o INFARMED e CM de Gaia.

5) O INFARMED inicialmente negou que existisse um pedido de transferência, mas face a novo ofício da Junta de Freguesia, este organismo confirmou à Junta que a Farmácia Saraiva tinha pedido a mudança de instalações, ao abrigo da Portaria 1430/2007 de 2 de Novembro.

6) Em resposta, a Junta de Freguesia voltou a comunicar ao INFARMED que não concordava com a mudança, se não fosse pelo menos aberto um Posto de Farmácia, e solicitando informações sobre o que se poderia fazer para manter em funcionamento uma farmácia, no mesmo local onde sempre tinha funcionado a Farmácia Saraiva.

7) Infelizmente continuamos a aguardar uma reposta do INFARMED, mas tudo o que está ao nosso alcance, tem sido feito, para manter em funcionamento uma farmácia no local de sempre.
Pela nossa parte, não podemos prometer nada, uma vez que não é da nossa responsabilidade a decisão de transferência, mas ainda não baixamos os braços, e vamos continuar a lutar para que a população da zona, seja o menos prejudicada possível.



È possivel verificar que os problemas desta amada vila, afinal não são da responsabilidade da Junta e de quem a dirige. A minha pergunta é apenas uma. Quem será o responsável? Os eleitores Avintenses não de certo.

Sem comentários:

Enviar um comentário